RECADO PARA TUA BUNDA

Esse é um recado meu para o teu cu. Eu devia estar te falando isso diretamente mas sou covarde demais, nervosa demais e por isso falo para os outros. Tu é aquela diarréia que me faz subir cada degrau do ônibus com medo de peidar. Por isso agora vou te cagar e sentir alívio, vou imprimir nossas conversas e distribuir elas no engarrafamento da Bento Gonçalves, vou pagar meu suco na Lancheria do Parque falando alto sobre o teu rabo e cada vez que alguém me perguntar se eu estou bem vou dizer que eu só estou bem quando estou dentro do teu cu, não tem verdade maior que essa e por isso fiquem sabendo: eu amo comer teu rabo. As vezes eu fico distraída e quando vi já te comi mentalmente três vezes no dia, as vezes eu durmo na cama de outros e te mando boa noite por telepatia e as vezes penso em ti com tanta força que acho que tu vai te materializar de quatro encima da minha cama.

A verdade é que a perspectiva de te encontrar me frouxa as pregas e por isso eu uso os outros de penico. Preciso desabafar essa pressão horrível que é te desejar todos os dias mesmo dando a boceta para outros homens. Acima de tudo queria que a cidade soubesse que não consigo te superar e que mesmo nós estando separados tu é meu, absolutamente meu e que pra cada mulher ou homem que beijar a tua boca eu vou acender uma vela preta na encruzilhada da esquina aqui do bairro. Como sou precavida já escolhi a roupa que vou vestir nas próximas duas semanas, então não tem maneira de tu me encontrar sofrida. Já ensaiei duas reações para caso te veja no corredor: uma para caso tu estiver acompanhado e outra sozinho. Saiba que as duas são mais falsas do que o bom dia do Antônio.

Agora se por um acaso tu esteja lendo esse texto, se por algum golpe do destino tu estiver passando calor na frente desse notebook, baixe as calças desse pijama porque o recado a seguir não é para ser lido pelos teus lindos olhos verdes, e sim pelo  teu olho de baixo:

Estou com saudades.

Anúncios

3 comentários em “RECADO PARA TUA BUNDA”

  1. Teu blog é sensacional. Já acompanhava aqui antes de saber que espalhavam cartazes com o endereço do blog pelo Vale. Eu estudo ali no centro (sim, ali é uma merda). Sabe, embora eu saiba que manter segredo sobre a tua identidade é mega importante, eu sinto uma pontinha de vontade de tomar uma cerveja na tua companhia no bar mais lixo da cidade, falar que o bukowski é sim genial (tu tambem deve gostar dele) e depois esquecer pra sempre da tua cara bêbada (pra preservar a porra da tua identidade) enfim, deixo aqui o meu “vai tomar no cu” pq esse blog é do caralho. Um abraço.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s